sexta-feira, 1 de junho de 2018

Greve perde força e combustível começa a chegar aos postos

Escolta policial garante o abastecimento de combustível em diversas cidades (Vladimir Platonow/Agência Brasil)
Cidades do interior são as que ainda têm mais relatos de desabastecimento; nas capitais, combustível já está quase normalizado

A greve dos caminhoneiros perdeu força nesta quinta-feira, 31, que marca o 11º dia do movimento. Apesar de alguns pontos de manifestação ainda espalhados pelo país, a paralisação dos caminhoneiros já não causa tanto impacto e abastecimento tanto de combustível quanto de alimentos já começa a se normalizar em todo o país. 

“O abastecimento de combustíveis está melhorando em todos os estados brasileiros, embora em alguns ainda haja protestos e bloqueios, principalmente em estradas no interior. Na maioria das capitais, o suprimento de combustíveis está se normalizando”, diz nota divulgada pela Agência Nacional do Petróleo (ANP).

Conforme último levantamento divulgado no início da noite desta quarta-feira, 30, pela ANP, o abastecimento na capital, Campinas e Sorocaba está praticamente normal.

Fonte: Revista Veja.

Nenhum comentário:

Postar um comentário